Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sempre dê preferência a sites com Certificados de Segurança.

O CERT.BR informou a corrência de 39.419 tentativas de fraudes o ano de 2019, representando 87% das notificações referentes a esta categoria.Sempre dê preferência a sites que apresentem Certificados de Segurança válidos e expedidos por unidades certificadoras.Na barra de navegação, os sites deste tipo iniciam os endereços por “https://”, aparecendo no lado esquerdo a imagem de um cadeado. Ao clicar no cadeado é possível visualizar os dados da unidade certificadora que garante a autenticidade do site visitado. Cuidado com os certificados “auto assinados”, pois não existe uma unidade certificadora por trás. Portanto, nenhum órgão garante sua confiabilidade.Também é possível um site iniciar por “https://”, pertencendo legitimamente a algum órgão ou instituição com o certificado expirado. Neste caso, procure se informar da legitimidade do serviço que você deseja.Tanto os “auto assinados” quanto os expirados são exibidos na respectiva barra de navegação com uma informação de advertência. I…

Notícia: VAZAMENTO DE DADOS DE CARTÕES DE CRÉDITO JÁ É O MAIOR DA HISTÓRIA



VAZAMENTO DE DADOS DE CARTÕES DE CRÉDITO JÁ É O MAIOR DA HISTÓRIA
Matéria publicada pelo portal G1 da Rede Globo em 23-01-2009.

A Heartland Payment Systems, uma empresa norte-americana que processa pagamentos feitos com cartões de crédito, anunciou na terça-feira (20) que um código malicioso foi encontrado em seus sistemas e que ele pode ter comprometido as informações de todos os cartões de crédito que a empresa processou. A Heartland processa mais de 100 milhões de transações todo mês, fornecendo o serviço a pelo menos 250 mil empresas. Não é possível saber quantos cartões tiveram seus dados comprometidos, porque não foi possível determinar desde quando o programa espião foi instalado no sistema da companhia. O caso só começou a ser investigado depois que a Visa e a Mastercard alertaram a empresa para atividades suspeitas nas transações processadas. Um site foi montado especialmente para divulgar informações sobre o vazamento. A empresa recebeu críticas, no entanto, por ter divulgado essa informação na terça-feira (20), quando a mídia estava ocupada com a posse do presidente norte-americano Barack Obama o fato acabou passando despercebido. A Heartland garante que informações como senhas (PINs), telefones, endereços e números de segurança social (SSN, semelhante ao CPF brasileiro) não foram obtidas pelos criminosos. Para Robert Baldwin, presidente da empresa, o ocorrido faz parte de um esquema global de fraudes eletrônicas. O maior vazamento de dados de cartões de que se tem notícia é o da TJX Companies Inc, que no início de 2007 revelou informações a respeito de vazamentos ocorridos durante um período de três anos. Segundo a TJX, 45 milhões de cartões de crédito e débito teriam sido comprometidos.
Para acessar a notícia completa clique aqui.
Espero ter ajudado e até a próxima! Não deixem de comentar.

Comentários

Postagens mais visitadas