Pular para o conteúdo principal

Destaques

Sempre dê preferência a sites com Certificados de Segurança.

O CERT.BR informou a corrência de 39.419 tentativas de fraudes o ano de 2019, representando 87% das notificações referentes a esta categoria.Sempre dê preferência a sites que apresentem Certificados de Segurança válidos e expedidos por unidades certificadoras.Na barra de navegação, os sites deste tipo iniciam os endereços por “https://”, aparecendo no lado esquerdo a imagem de um cadeado. Ao clicar no cadeado é possível visualizar os dados da unidade certificadora que garante a autenticidade do site visitado. Cuidado com os certificados “auto assinados”, pois não existe uma unidade certificadora por trás. Portanto, nenhum órgão garante sua confiabilidade.Também é possível um site iniciar por “https://”, pertencendo legitimamente a algum órgão ou instituição com o certificado expirado. Neste caso, procure se informar da legitimidade do serviço que você deseja.Tanto os “auto assinados” quanto os expirados são exibidos na respectiva barra de navegação com uma informação de advertência. I…

COMO CRIAR SENHAS SEGURAS



COMO CRIAR UMA SENHA SEGURA
Por Luís Fernando S. Bittencourt


Hoje em dia, diante de tantos riscos a que estamos submetidos, principalmente para quem quer se proteger na grande rede, é manter uma política própria de senhas de segurança, tendo em vista que são usadas para praticamente todas as transações realizadas pela internet, principalmente transações bancárias. Algumas recomendações valem ser seguidas:
1- Sempre use senhas de 8 ou mais dígitos;
2- Utilize expressões alfanuméricas, ou seja, mescle letras e números;
3- Procure utilizar letras maiúsculas e minúsculas em suas senhas;
4- Procure alterar suas senhas em curtos períodos estabelecidos por você;
5- Jamais divulgue sua senha para alguém, em caso de dúvida altere imediatamente;
6- Nunca utilize datas comemorativas (data de nascimento próprio ou de familiares);
7- Nunca use coisas comuns a você que outras pessoas possam ter acesso tais como nome do cachorro, livro favorito, número de sua residência, nome da empresa etc;
8- Jamais repita senhas já utilizadas, principalmente as que estiverem “queimadas”;
9- Procure ter memorizado suas senhas, não deixando anotações em locais de fácil acesso comprometendo sua segurança;

Para se criar senhas realmente seguras e que você possa facilmente tê-las na lembrança, um método eficiente é pensar em uma frase da semana, por exemplo, tendo esta de duas a quatro palavras. Esta frase, como dito, poderá ser trocada a cada semana ou outro período estipulado por você. Juntamente, deve se ter uma tabela própria para conversões das letras da frase para a senha propriamente dita. Vamos dizer que você convencione substituir todas as vogais por números, sendo o “A”=1, “E”=2, “I”=3, “O”=4 e o “U”=5, depois junte (não deixando espaços) as palavras da frase da semana, no que vou usar para este exemplo “segunda feira de sol”. Assim você teria a seguinte senha: “s2g5nd1f23r1d2s4l”. Para se alternar letras maiúsculas e minúsculas de forma a serem facilmente lembradas, basta passar cada primeira letra de cada palavra para maiúscula, ficando assim nossa senha: “S2g4nd1F23r1D2S4l”, difícil até mesmo para ser lida, no entanto podendo ser facilmente lembrada por quem conhece a convenção previamente estipulada.
Seguindo poucas regras e se policiando constantemente é possível ter uma atitude segura, não comprometendo você ou a empresa que depende de seus serviços.
Até o próximo artigo.

Comentários

Postagens mais visitadas