O Tempo Agora

Arquivo do blog

Pesquisador:

Google+ Badge

domingo, 7 de dezembro de 2008

ARQUIVOS SCR - Perigos de um arquivo executável



ARQUIVOS SCR
Perigos de um arquivo executável
Por Luís Fernando da Silva Bittencourt


Os arquivos de extensão SCR são arquivos executáveis criados inicialmente para a utilização em “protetores de tela”, daí a origem da extensão, pois é a forma sincopada de screensaver.
Com o advento da propagação do conhecimento pela internet, além dos próprios “vírus de computador”, os métodos de segurança dos equipamentos de informática foram amplamente difundidos, passando ser de domínio público que não se podem executar arquivos provindos de origem duvidosa, principalmente os famosos EXE.
Neste viés, se aproveitando do desconhecimento sobre os SCR, hackers e toda sorte de pessoas má intencionadas passaram a criar seus vírus nesta extensão, o que propicia uma vantagem sobre os EXE, pois os SCR, depois de iniciados, se mantêm em execução contínua num loop infinito, ou seja, mantém seu ciclo de execução até que determinada condição seja satisfeita ou pela execução de algum comando previamente programada pelo criador do arquivo.
Estes arquivos, como mencionado, atuam normalmente em ciclos, ou seja, sempre em determinada hora ou quando algum programa é executado no PC infectado entram em execução. Por exemplo, sempre que a vítima navega em algum site bancário, o SCR fica residente monitorando todo o tráfego do broser, com a finalidade de capturar os dados digitados e enviar os arquivos ao hacker. Por que isso? Simples, pois normalmente as pessoas costumam verificar a existência de conexões externas, principalmente pelas portas comumente utilizadas pelos vírus ou outras de utilização desconhecidas (normalmente as portas altas do protocolo tcp/ip), após encerrar a operação bancária ou alguns minutos após, no entanto, se esquecendo de que o vírus instalado pode executar a segunda parte de sua tarefa (transmitir as informações capturadas) depois da meia-noite ou outro horário previamente definido.
Assim, sempre confiram o que estão executando na máquina de vocês. Na dúvida pesquisem na própria internet e no caso de arquivos suspeitos baixados de origem duvidosa, na Net hoje em dia quase todo site é duvidoso, encaminhem o arquivo para ser escaneado no site VÍRUS TOTAL, conforme já indicado por mim em post anterior. Naveguem com segurança! Um abraço e até a próxima.

2 comentários:

Dario disse...

Voce de certa forma tem algum tipo de temor quanto a forma rápida de propagação de Informações relacionadas a segurança na internet? e contra ou a favor?

Bittencourt disse...

Dario, obrigado pelo seu comentário! Com relação a sua pergunta, eu digo q graças a Deus o acesso a informação está amplamente difundida e democratizada. Pena q certas pessoas se utilizam dela em desfavor da sociedade, mas uma minoria. No geral, existe uma gama enorme de pessoas vigilantes sempre buscando fraudes em geral e divulgando tais conhecimentos em favor do bem maior.
Abraços!